Domingo, 5 de Fevereiro de 2006

Ecos do Tom Jazz (II)

Para a apresentação do "Desconstrução Minimalista" de ontem no Tom Jazz, vesti minha melhor roupa de repórter, e deixei a outra, de fã, em casa. Calma, não é bem assim. Fui com as duas, claro. Mas não me sentei na primeira fila, como gostaria, mas um pouco mais atrás, para poder ter uma visão "sistêmica" do espetáculo, desde os quesitos técnicos (luz, ambiente, som, etc.) até os quesitos "sociológicos": análise da "gente" de todo o tipo que lá esteve, gente que parecia ser do "ramo de gostar de música", gente que provavelmente não sabia o que era jazz, gente que esperava ouvir jazz, gente que esperava ver uma portuguesa cantando fado, gente que cantarolava junto e, com certeza, já tinha comprado o "Desconstrução", gente que foi para comer, gente que foi para beber.

Mas, no frigir dos ovos (me perdoem o infame trocadilho com a cozinha da casa...), gente que foi despertada e magnetizada pela Eugénia. Essa menina tem futuro, sabe levar a coisa, sabe como prender a atenção dos presentes. E olha que o repertório não é fácil, é sensível demais para bares, intimista, que exige concentração.

 

E uma boa notícia: o espetáculo foi gravado, deve vir um DVD por aí, vamos torcer para que tenha ficado bom. E, mesmo que não tenha ficado bom prá se tornar um produto comercial, vamos torcer para que ela nos dê uma cópia de presente. Brincadeira, vai dar um produto para ir para as lojas, com certeza. Eram 3 câmeras, uma geral, captando o palco por inteiro, uma na Eugénia (que cantou sentada, elegante, bem ao estilo "um banquinho e um violão", sem o violão é claro), e uma no Emílio, com o rapaz da câmera posicionado tão perto do piano, que parecia estar tocando "a quatro mãos" com o pianista. Estava tão próximo, que chegou a tocar sem querer a tampa do piano, que se não fosse a destreza manual do Emílio para segurá-la, teríamos visto uma cena, no mínimo, hilária.

 

Histórias de show, saborosas como sempre. Eugénia contou uma muito engraçada, sobre a sua composição "C'est la vie", que, além do título, tem a letra totalmente em francês. Um dia eu contarei aqui. Aguardem.

 

Publicado por Eugénia Melo e Castro às 23:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Ouça aqui

EMAIL/ CONTACTOS/ SITE OFICIAL

eugeniamc@sapo.pt http://www.eugeniameloecastro.com

Bem Querer / Futuros Amantes


Veja mais vídeos aqui!

AVISO AOS NAVEGANTES :

ESTE BLOG É (TAMBÉM) UMA BASE DE DADOS ACTUALIZADOS SOBRE EUGÉNIA MELO E CASTRO. DESTINA-SE AO REGISTO DE ENTREVISTAS, MATERIAIS DE IMPRENSA, MÉDIAS, MP3, VIDEOS, MATERIAL DE PESQUISA, BIOGRAFIA, HISTÓRIAS, OPINIÕES, CRÓNICAS, FOTOS, DATAS, AUTORES, MÚSICOS ENVOLVIDOS, ASSUNTOS RELACIONADOS, DEPOIMENTOS, LINKS RELACIONADOS, AGENDA DE SHOWS, ACTUALIZAÇÃO DE ACTIVIDADES, LANÇAMENTOS E RELANÇAMENTOS DE CDs, DVDs, PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS, GRAVADORAS, DIREITOS AUTORAIS, LETRAS, CONVIDADOS ESPECIAIS, ONDE, COMO E QUANDO.

Arquivos

subscrever feeds

blogs SAPO