Sexta-feira, 30 de Dezembro de 2005

O ano que passou... em Música!

2005 foi um ano em cheio a nível musical. Muitos consagrados de regresso, muitos estreantes, vários concertos e até a passagem da MTV por Portugal para os seus prémios anuais. Como flasback aqui fica a minha escolha do que de melhor este ano, que agora termina, nos trouxe a nível de edições discográficas:

 

Gal Costa Hoje - talvez o regresso mais supreendente do ano. Depois de várias versões e releituras de clássicos, Gal regressa em 2005 com um albúm de inéditos. Composto maioritariamente por novos compositores -lado a lado com Caetano Veloso (a tocante Luto) e Chico Buarque (a supreendente Embebedado).Hoje é um álbum coeso, recheado de boas músicas , arranjos fantásticos e com uma Gal iluminada no seu canto. Destaque para Mar e sol, Hoje (uma balada de fazer chorar qualquer um...) e Luz e sexo- a melhor canção do ano!

 

Eugénia Melo e Castro Des Cons Tru Ção- Junte-se o génio de Chico Buarque ao talento de Eugénia Melo e Castro e o resultado é um dos melhores discos de 2005. Bonito, sem tempos "mortos", bem produzido e bem interpretado é uma das melhores homenagens feitas a Buarque e um regresso em forma da cantora. Como destaque, Bem querer/Futuros amantes num dueto arrebatador com Adriana Calcanhoto, Com açucar; com afeto, Teresinha (belíssima versão), Injuriado em dueto com Buarque e Basta um dia naquela que é a melhor interpretação do disco. Nota máxima ainda para a capa da edição brasileira (pela artista plástica Valéria Costa Pinto) que é um verdadeiro luxo. Melhor disco nacional do ano.

 

Ney Matogrosso Canto em qualquer canto- regresso ao vivo deste camaleão musical. Começou por ser um especial de televisão, mas depressa se tornou numa digressão (que veio a Portugal, num espectáculo inesquecível na Casa da Música) e posteriormente um cd e dvd. Acompanhado por 4 violas, onde se destaca o português Pedro Joia, Ney consegue transformar temas sobejamente conhecidos ( Bandolero, Mel, Tanto amar...) em uma nova experiência musical. Na interpretação Ney simplesmente "voa".

 

Daniela Mercury Balé Mulato- Depois do corajoso Clássica, Daniela volta às origens e oferece-nos um dos seus melhores trabalhos, Balé mulato é divertido, é dançável, é emocionante. Em suma a prova de que é possível fazer um disco "popular" e o mesmo ser inteligente e de bom gosto. Destaque para o 1º single Topo do mundo e a espectacular (e arrepiante!!) versão para Pensar em você de Chico César. É já sucesso no Brasil e chega a Portugal em 2006.

 

Jonas Santos

Publicado por Eugénia Melo e Castro às 23:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Ouça aqui

EMAIL/ CONTACTOS/ SITE OFICIAL

eugeniamc@sapo.pt http://www.eugeniameloecastro.com

Bem Querer / Futuros Amantes


Veja mais vídeos aqui!

AVISO AOS NAVEGANTES :

ESTE BLOG É (TAMBÉM) UMA BASE DE DADOS ACTUALIZADOS SOBRE EUGÉNIA MELO E CASTRO. DESTINA-SE AO REGISTO DE ENTREVISTAS, MATERIAIS DE IMPRENSA, MÉDIAS, MP3, VIDEOS, MATERIAL DE PESQUISA, BIOGRAFIA, HISTÓRIAS, OPINIÕES, CRÓNICAS, FOTOS, DATAS, AUTORES, MÚSICOS ENVOLVIDOS, ASSUNTOS RELACIONADOS, DEPOIMENTOS, LINKS RELACIONADOS, AGENDA DE SHOWS, ACTUALIZAÇÃO DE ACTIVIDADES, LANÇAMENTOS E RELANÇAMENTOS DE CDs, DVDs, PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS, GRAVADORAS, DIREITOS AUTORAIS, LETRAS, CONVIDADOS ESPECIAIS, ONDE, COMO E QUANDO.

Arquivos

subscrever feeds

blogs SAPO