Terça-feira, 7 de Outubro de 2008

Serão os 50 os novos 30 ???

 

Ou............serão os 30 os novos 20 ?????????

 
1. Qual é a sensação de chegar aos 50?
 
Sinto que cheguei aos 50 sem dar por isso. Eu sempre pensei e disse que nunca iria chegar aos 50, e sempre vivi de acordo com essa ideia. Eu não me imaginava sequer com 50 anos, e isso parece continuar a acontecer, eu realmente nunca tive medo de morrer nem de envelhecer, sempre tive pressa e medo de não viver o que queria viver.
O que muda na forma de ver a vida? Ainda estou a tentar entender, algumas coisas deixam de ser urgentes e outras passam a ser únicas. Eu sempre estive atenta ao peso da idade relacionado com a quantidade de sabedoria. No entanto continuo sempre atenta ao primeiro instinto básico infantil e espontâneo relacionado com a qualidade da sabedoria. O equilíbrio é impossível, mas é possível, sim!!
 
2. Vive-se em maior harmonia ou, pelo contrário, a pressão da idade é maior?
 
Harmonia é uma palavra que eu não utilizo muito na minha vida, dá-me a sensação de tudo certinho, tudo equilibrado, quase terminado, e eu alimento-me de inquietações, úteis ou inúteis, eu alimento-me de começos e recomeços. Eu não sinto a idade como uma urgência de pressões, eu sempre fui muito pressionada por mim mesma, desde criança.......
 
3. Qual é a maior vantagem de ter 50? E a maior desvantagem?
 
A vantagem é ter chegado até aqui inteira, às vezes penso que com a quantidade de maluquices e situações complicadas que já vivi, é puro milagre estar viva. A desvantagem por enquanto não é nenhuma, uma vez que não tenho a síndrome da eternidade !! Mas a falta de memoria prática do dia a dia é uma coisa que me chateia um bocadinho, não me lembrar de certas coisas na hora que preciso lembrar, é como se fosse uma espécie de selecção natural forçada do que realmente me interessa lembrar, e como eu não suporto receber ordens, não as suporto nem vindas de mim mesma, seja sob que disfarce sejam......
 
4. Como chegou a esta idade tão… fantástica? Qual é o segredo de beleza?
 
Eu sinto-me bem, acho que estou muito mais segura nas minhas contradições, acho a juventude linda, aprecio a juventude dos outros, mas prefiro muito mais a liberdade que nos sobra, que só o tempo a mais nos retorna, nos liberta e nos selecciona a tal falta de memória. Mas optar por não ter tempo para cultivar memorias difíceis é uma arte, é um segredo que não se pode esquecer....... e dormir muito..........geralmente eu durmo com um problema e acordo com uma solução, nem sempre necessariamente relativa àquele problema..........
 
5. Conselhos para outras mulheres…
 
 Rir envelhece melhor o rosto....
 
6. A beleza não tem, de facto, idade? É tudo mais uma questão de atitude…?
 
A beleza tem a idade que tem na idade de cada pessoa. Se uma mulher for linda e chata, não lhe adianta nada ser linda. E envelhece mal. Se for interessante e tiver senso de humor, e sobretudo se viver plenamente cada decisão, cada passo, cada conquista, cada perda, cada acerto e cada erro, cada felicidade ou infelicidade, aí vai ser sempre linda, o olhar de tranquilidade sempre falará mais alto e sempre será lindo. Cada ruga tem uma história. Só não gosto de desleixo, nem da alma nem do corpo. Ninguém se pode abandonar.
 
7. Mudou a alimentação e algum hábito com a chegada desta nova década?
 
Eu já mudei a minha alimentação há muitos anos. Em casa como muito bem, eliminei gorduras, fritos, carne, açúcar, leite. Mas quando como na rua aproveito para comer coisas que não cozinho em casa. Isso dá o equilíbrio na alimentação, não exagero nem nos excessos nem nas contenções. Não mudei nada de especial na minha vida, talvez me poupe cada vez mais de gente chata, sem muitas cerimónias nem explicações.
 
8. O que mudaria na sua vida olhando para trás?
 
Eu mudaria de advogados !!!!!!! E seria mais esperta e menos crédula......
 
9. E o que falta fazer?
 
O que falta fazer eu faço desde sempre e todos os dias um pouquinho, tenho os planos em cima da minha mesa permanentemente, convivo com eles diariamente, modifico, acrescento, elimino, emendo, ou seja, o que me falta fazer eu já estou a fazer agora..... depois logo se vê o que vai acontecer........
 
10. Muda a forma como se vê a vida, sente-se mais livre para fazer o que lhe apetece? Como e porquê?
 
Confesso que sempre fiz mais o que quis do que o que não quis, o que não significa necessariamente nem uma vantagem, nem uma facilidade caída do céu. A liberdade tem um preço muito alto e por vezes muito solitário e sofrido. Eu sou muito austera comigo e um pouquinho mais tolerante com os outros. Isso eu espero que mude a tempo de eu acertar esse compasso.....
 
11. Acha que é diferente ter hoje 50 e na altura da sua mãe? O que mudou?
 
Mudou a medicina interna, a comunicação, a informação, o espírito, a auto estima, os preconceitos, a dependência, a cosmética, a variedade, a vaidade, o exercício físico, a actualidade, a exigência, a moda, a grossura das lentes dos óculos, o estilo, a atitude, as facilidades, as dificuldades, a medicina estética. Mudaram as metas pessoais externas e internas, mudaram os homens, o conceito de família, a tolerância, o abuso da tolerância, a intolerância, a intimidade com os filhos, o ensino, as regras de educação, os centros comerciais, as modistas, as costureiras, os shampoos, os cremes de bronzear, a depilação definitiva........ as exigências pessoais e culturais mudaram completamente. Mudou o acesso do acesso.
 
12. Esta geração de mulheres (Madonna, Michelle Pfeiffer, Sharon Stone, Eugénia Melo e Castro, Cristiane Torloni, etc…) veio para quebrar estereótipos do passado?
 
Esta safra de 58 é realmente muito especial !! hehehe !! Somos naturalmente mulheres do nosso tempo enquadradas nas nossas evoluções. Somos sinceras, activas, temos espelho em casa e usamos esse espelho a nosso favor. Gostamos de nós próprias o suficiente para nos podermos questionar e odiar tranquilamente sem nos destruirmos. É uma atitude positiva perante as fraquezas naturais e inevitáveis. O tempo tem de estar a nosso favor e não contra nós. Somos e sabemos o que o nosso conhecimento nos devolve e nos resolve !! Ou não......
 
13. Diz no seu blog que quer mudar de vida… o que vai mudar?
 
Quero ter mais tempo para viajar, andar mais a pé, ver outras coisas, preciso reciclar os pensamentos, o estilo de vida, encontrar inspirações fora de mim e do meu circuito, sentir-me perdida, sem rumo certo. E ao mesmo tempo preciso de dar uma chance à distracção, quero abrir o meu coração como se fosse quase por acaso, mais perto, sem medo, quem sabe..... ?
 
14. Diz no blog que gostava de passar os últimos dias na praia, havaianas e vinho tinto… é assim mesmo?
 
Estou a trabalhar afincadamente para ser uma velhinha bem maluquinha, bem bonitinha, bronzeada, alegre, generosa, malandra, corajosa, junto com a minhas amigas todas velhinhas, todas super animadas, a implicar umas com as outras, de bengalinha em riste, num lugar sem frio, tenho horror de chuva e frio, e claro, o vinho tinto é uma questão médica........ e a praia é uma questão técnica....... e as havaianas são uma questão estética......... eu sempre digo por graça: Não quero morrer na praia, quero morrer no Leblon.........
 
Entrevista de Filipa Veiga para MAXIMA Portugal 2008 

Publicado por popogirl às 03:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
1 comentário:
De Armando Maynard a 7 de Outubro de 2008 às 13:52
Eugénia, garantiste 50 e muito mais ainda irá garantir, ficando velhinha e sempre bonitinha, mas maluquinha jamais...Um abraço,Armando(fetichedecinefilo.blogspot.com)


Comentar post

Ouça aqui

EMAIL/ CONTACTOS/ SITE OFICIAL

eugeniamc@sapo.pt http://www.eugeniameloecastro.com

Bem Querer / Futuros Amantes


Veja mais vídeos aqui!

AVISO AOS NAVEGANTES :

ESTE BLOG É (TAMBÉM) UMA BASE DE DADOS ACTUALIZADOS SOBRE EUGÉNIA MELO E CASTRO. DESTINA-SE AO REGISTO DE ENTREVISTAS, MATERIAIS DE IMPRENSA, MÉDIAS, MP3, VIDEOS, MATERIAL DE PESQUISA, BIOGRAFIA, HISTÓRIAS, OPINIÕES, CRÓNICAS, FOTOS, DATAS, AUTORES, MÚSICOS ENVOLVIDOS, ASSUNTOS RELACIONADOS, DEPOIMENTOS, LINKS RELACIONADOS, AGENDA DE SHOWS, ACTUALIZAÇÃO DE ACTIVIDADES, LANÇAMENTOS E RELANÇAMENTOS DE CDs, DVDs, PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS, GRAVADORAS, DIREITOS AUTORAIS, LETRAS, CONVIDADOS ESPECIAIS, ONDE, COMO E QUANDO.

Arquivos

subscrever feeds

blogs SAPO