Quarta-feira, 6 de Abril de 2016

pausa para descansar de tudo um pouco

Captura de ecrã 2016-04-06, às 15.02.30.png

 

 

 

Publicado por popogirl às 15:00
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 28 de Fevereiro de 2016

SHOWS - dia 17 em Bragança // dia 20 em Braga - Março 2016

Captura de ecrã 2016-02-28, às 16.02.12.png

 

 

 

 

Publicado por popogirl às 16:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2015

SAMBA ENREDO !!! deixaeuentrarnosambaí !!

10 de Dezembro, Rio de Janeiro 2015

Está pronta a gravação do primeiro Samba Enredo luso carioca da história....... DEIXAEUENTRARNOSAMBAÍ é uma parceria minha com Alemão do Cavaco, considerado atualmente o melhor compositor de Samba Enredo do Brasil, e também produtor e músico de primeira água. Esta letra minha foi escrita à uns 10 anos atrás, pelo menos, e estava à espera de um parceiro assim. Escrevi para o fim a que se destina, para uma samba enredo. Há muito que me interesso pela temática do samba enredo, a historia, o seu desenvolvimento. Ailton Graça, ator e amigo do Alemão do Cavaco, é o padrinho oficial deste nosso Samba Enredo. Foi ele que nos conduziu um ao outro. Alemão do Cavaco é inovador e guerreiro, sabe o que quer, e como quer. Produz com uma precisão e uma segurança impressionantes. Foi uma aula, uma honra, uma delicia, um privilégio. Podem esperar mais uns dias, apenas, o vídeo está sendo terminado em São Paulo, e o mix final estará na minha mão dentro de uns dias. Estou ansiosa. Cantei com a precisão e o rigor que o ritmo impõe, um coro de bambas, uma bateria de percussão inacreditável, músicos de uma qualidade incrível, uma nova e sensacional experiência. Por isso eu sempre me pergunto, que mais me reserva esta minha atribulada vida ?? Estou do lado bom da alegria e da competência, MUITO OBRIGADA ‪#‎mesa2‬, ‪#‎fernandocardoso‬ ‪#‎robertomonteiro‬ ‪#‎ailtongraça‬   , ‪#‎mariojorgebruno‬ , #alexandrepanzoldo, ( Alemão do Cavaco ).

Já já publico os nomes de todos os músicos envolvidos nesta gravação, que acredito, vai surpreender os mais incrédulos e conquistar empedernidos corações. !!!!! rsrsrsrsr DEIXA !! ‪#‎deixeuentrarnosambaí‬ !! entrei.......

 

Captura de ecrã 2015-12-10, às 16.08.01.png

 

Publicado por popogirl às 18:06
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 28 de Outubro de 2015

Entrevista sobre o show SereiA Portuguesa e sobre a nova música inédita DEIXEUENTRARNOSAMBAÍ, Samba enredo que encerra o show da SereiA

5 EugÇnia Melo e Castro - Foto MilaMaluhy-1140.J

 


- Qual foi a inspiração deste SAMBA ENREDO novo, desta sua nova PARCERIA INÉDITA , e logo com o ALEMÃO DO CAVACO, o melhor compositor atual da Escola de Samba da MANGUEIRA ?


Eu queria mesmo fazer um Samba Enredo, a letra veio pronta na minha cabeça, ja há pelo menos uns 8 anos. E ficou ali pronta na gaveta, esperando um momento para ser musicada, não poderia ser musicada por um compositor normal, teria de ter a linguagem musical de Samba Enredo, que é muito particular, tem regras próprias. É preciso ser do ramo…… a ideia depois do show é ir ao Rio para gravarmos com a Bateria da Mangueira, com o Alemão do Cavaco, enfim, tipo a sério mesmo com os músicos da Mangueira.......

 

- Porquê a parceria com a escola de samba Mangueira?
Porque é a minha Escola no Brasil, dos meus amigos mais amigos desde o primeiro dia no Brasil, era a  Escola de Samba do Tom Jobim, que até escreveu a musica "Piano na Mangueira", enfim, foi por afinidade, sempre torci pela Mangueira nos desfiles de Carnaval, ja desfilei pela Mangueira na avenida, enfim, muitos anos de Mangueira no coração.

 

- Como foi o processo para finalizar a música com Alemão do Cavaco?
Eu falei nisso de terminar o show da SereiA com o meu samba enredo, que resumia o que eu queria passar para as pessoas. Falei nisso com o diretor da SereiA , o Fernando Cardoso, e o nosso produtor Roberto Monteiro, eles são amigos do ator Ailton Graça, ou seja, foi através do Ailton Graça, foi ele que mandou a letra para o Alemão do Cavaco da Mangueira, que em 8 dias nos devolveu esta maravilha, gravada com ele a cantar e tocar no cavaquinho, uma delicia.

- Porquê você quis misturar fado com samba?

São dois tipos de musica que sempre estiveram misturados, muitos historiadores ja escreveram tratados sobre isso, sobre onde nasceu o fado, e onde nasceu o samba, as raízes possíveis, isso é um tema sem fim……. mas que sempre me interessou muito exactamente por estar sempre confrontada com essas duas influencias musicais. E em ambos os casos existe um ritual de pedir licença ao fado, de pedir licença ao samba, acho isso lindo, era isso que eu queria, o fado pede passagem, na mais alta linhagem, para entrar no samba…... e desfilar na avenida !!


- É a primeira vez que você cria esse "mix” de fado e samba?

Ao longo destes anos todos de trocas e de buscas de interpretação pessoais, sempre usei os dois universos musicais e poéticos. Não sou fadista nem sambista........  mas há sempre muitas influencias, impossível nao absorver as línguagens musicais. Este Samba enredo é um dos resultados de 35 anos a navegar nessas águas mistas…. 26 discos gravados e lançados em Portugal e no Brasil, pode imaginar o que eu já misturei musicalmente e poeticamente…. mas este samba enredo é especial e diferente, é radical e explicito.


- Você tem uma ligação muito forte com a MPB. Como é sua ligação com o samba, especificamente?

Com o Samba nu e cru, muito pouco, mas com a bossa nova, filha do samba, isso sim, cabe mais no meu estilo e nas minhas recriações musicais.

 

- Entre as canções do repertório do seu show, há alguma outra inédita? Ou que nunca foi gravada? Qual?

No show todas as musicas, quer os fados, quer as canções, são todas recriadas por mim, mas não tem musicas inéditas ( tirando o samba - enredo ). Umas são do gosto e do ouvido popular, como o Fado da Açorda, ou o Não vás ao mar Tóino, ou O mar enrola na areia, coisas bem da infância de todos nós. O resto são fados e canções tradicionais portugueses, que eu escolhi a dedo por estarem no imaginário afectico dos brasileiros, e dos portugueses que moram há muito tempo no Brasil. São músicas da época que a musica portuguesa vinha muito ao Brasil passar grandes temporadas, Amália Rodrigues, Francisco Jose, Esther de Abreu, anos 50 e 60, e com muito sucesso popular no Brasil. Algumas ficaram dentro da memória, embora esquecidas, mas sempre lá. Sabia que a Amália Rodriques gravou os seus primeiros 8 discos no Brasil, o primeiro de todos em 1945 ??? no Rio de Janeiro para a editora Continental ??? isso precisa de ser dito !! Foi no Brasil que a Amália começou a sua carreira discográfica !! Tudo isso eu conto no show, coisas sobre grandes portugueses que se destacaram a sério no Brasil no século XX, e não são poucos....... quando terminar os shows publico a lista e explico o que cada um fez !! é sensacional, uma espécie de homenagem a esses portugueses super especiais e importantes no Brasil.

 
- Você traz canções e faz comentários ao longo do espetáculo sobre a cultura de Portugal. Você acha que a cultura portuguesa ainda é pouco difundida no Brasil?

Sim e não, cada vez se sabe mais e melhor sobre o Portugal de agora, contemporâneo, no Brasil, em todas as áreas culturais e empresariais, apenas acho que contar algumas coisas pessoais e específicas sobre Portugal, o meu Portugal, e avivar a memórias das pessoas que gostam de Portugal, é importante, é interessante, eu gosto de contar histórias sobre tudo o que é bom em Portugal. Nunca é demais. Sempre falei muito mais de Portugal nas minhas entrevistas, do que do meu trabalho específico, a curiosidade desperta-se por uma resposta diferente e que pode levar a muitas outras perguntas, e isso é bom, é estimulante.


- E você comenta também muitas memórias sua relacionadas à grandes nomes da música brasileira. Quem e porque ??


Tom Jobim, Caetano Veloso, Ney Matogrosso, Vinícius de Moraes, Dorival Caymmi , Helena Jobim Edu Lobo e Chico Buarque, são os nomes de artistas brasileiros que eu cito por terem referencias com as histórias que vou contando ao longo do espectáculo, algumas vividas comigo, outras que ouvi dentro do tema REZA A LENDA … mas nos shows sempre é imprevisível, pois eu poderia ficar 3 horas apenas a contar historias super divertidas e verdadeiras, que eu vivi, outras que quase só eu sei, em vez de fazer um show de musica, por isso , quase sempre de dia para dia no palco tudo muda, eu lembro-me na hora de uma história ao vivo e conto, não tenho regras rígidas de roteiro, eu conto o que me lembrar, se a conversa for para esse lado. Isso é o que mais me diverte……. adoro contar algumas histórias que se relacionam com o que vou cantar, ou não…...


- Comente três canções principais, e porquê as incluiu no repertório, o que significam para você

- Incluí o fado DESFADO porque acho, alias, acho eu e acham milhões de pessoas, que é um fado extraordinário, uma letra absolutamente genial, uma musica alegre, feitas por um novo e grande compositor em Portugal, que é o Pedro da Silva Martins, e cantado pela sensacional Ana Moura, que é uma das grandes novas cantoras de Portugal. Estamos a passar uma fase de altíssimo nível em Portugal de novos cantores, novos compositores, novas aventuras musicais, sempre tivemos um património cultural musical e poético riquíssimo, e lá está, como não falar disso nas entrevistas ??? no palco ?? detesto assuntos redutores e preguiçosos, gosto da criatividade e da novidade possível que se vai renovando, geração atras de geração, e um dia descobrimos que estamos todos a trabalhar no mesmo sentido, as mesmas ideias se cruzam. Entre os artistas as afinidades podem ocorrer a milhares de km de distancia, ou de anos luz, mas cada um acaba por se encontrar, com a sua personalidade bem definida, com milhões de influencias mais ou menos refinadas ou específicas, mas o encontro acontece, e isso é o que move o mundo, é o que faz a diferença e a novidade, é o que exercita a originalidade, o resto não interessa para nada……..

- incluí ESTRANHA FORMA DE VIDA porque a letra é da Amalia Rodrigues, lindíssima, e eu vejo a alma dela nesse poema, e revejo a minha alma também. Fora o lado de muito poucas pessoas saberem no Brasil que a Amalia Rodrigues também escrevia poemas, letras de fados, também era compositora.

- incluí LISBOA NÃO SEJAS FRANCESA, para brincar com a historia dos ciúmes nacionais dos seus artistas, um clássico da personalidade possessiva latina. Por exemplo, no Brasil a Carmen Miranda sofreu imenso com isso, quando foi para Holywood, ela que estava a fazer um trabalho de grande divulgação do Brasil, sofreu bastante no Brasil, ( e era portuguesa….. ), teve de responder cantando uma musica que dizia, "disseram que eu voltei americanizada"…… enfim, e eu própria, que estou nestas viagens entre o Brasil e Portugal ha 35 anos, sempre me trocam as respostas nas entrevistas escritas, tudo se transforma numa explícita preferência minha pelo Brasil, embora eu venha ao Brasil para trabalhar, crescer como artista, e nos meus trabalhos estou sempre a cantar musicas nossas,  ou a falar em Portugal, a divulgar artistas e compositores de Portugal, músicos, poetas..... mas não me dão muitas tréguas……. e em Lisboa, quando a moda era ir para Paris, fizeram esta música LISBOA NÃO SEJAS FRANCESA que resume bem esses sentimentos possessivos generalizados… só rindo…… a letra é um tratado !!

- O SHOW DA SereiA começa com a única musica que não é portuguesa , que se chama MEIA NOITE, de Chico Buarque e Edu Lobo, pois a letra é o resumo de tudo o que eu quero dizer no show, sempre foi uma musica que eu tenho sempre comigo, sempre traduz o que eu sinto, é uma obra prima ! Cantei-a como genérico no programa ATLANTICO, que idealizei e produzi para a RTP em 1998, e que no Brasil passu na TV Cultura em rede Nacional, em 2000, onde reuni aos pares, 13 artistas brasileiros com 13 artistas portugueses, foram 4 meses de exibição semanal, cada programa tinha 50 minutos, onde os artistas conversavam, cantavam sozinhos, e em dueto, era já a busca das afinidades em grande andamento…

Publicado por popogirl às 19:14
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

SereiA Portuguesa !! ALEGRIA ALEGRIA !! SÃO PAULO NA VEIA !!

Foto boa Mila Maluhy.png

 

Publicado por popogirl às 19:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 19 de Outubro de 2015

Flyer da SereiA Portuguesa !!

Flyer temporada 1.jpg

 

 

Publicado por popogirl às 01:05
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 9 de Outubro de 2015

SereiA Portuguesa !! de 21 de Outubro a 26 de Novembro 2015 - São Paulo

final_red_sardines.jpeg

 

Eugénia Melo e Castro

estreia show inédito

 

SereiA Portuguesa

 

TEATRO- MuBE NOVA CULTURAL

( ao lado do MIS )

tel 55.11.2594.2601

 

Av. Europa, 218, São Paulo

 

O espetáculo fica em cartaz às quartas e quintas, de 21 de Outubro a 26 de Novembro, no Teatro MuBE Nova Cultural, às 21h.

A TEMPORADA de apresentações da SereiA Portuguesa SERÁ SEMPRE ÀS QUARTAS E QUINTAS FEIRAS   de  cada semana, somando 12 shows no total.

 

Esta é a primeira vez que Eugénia, cria um show somente com músicas portuguesas.

 

Eugénia Melo e Castro construiu sua carreira entre constantes viagens entre Portugal e Brasil. Nestes 35 anos de carreira fez centenas de shows, lançou 26 CDs em ambos os países.

 

 

 

No Brasil fez parcerias autorais e cantou com Tom Jobim, Caetano Veloso, Chico Buarque, Milton Nascimento, Ney Matogrosso, Adriana Calcanhoto, Gonzaguinha, , Gal Costa, Maria Bethânia, Simone, Wagner Tiso, Jacques Morelembaum, Jorge Ben Jor, Chico César, Moska, entre outros grandes nomes da MPB.

 

 

Em Portugal trabalhou com Júlio Pereira, Mário Laginha, Jorge Palma, António Pinho Vargas, Pedro Caldeira Cabral, Sérgio Godinho, Fausto, Zeca Afonso, entre muits outros. Assim Eugénia tem mostrado o melhor da música brasileira em Portugal, e vice versa, o melhor de Portugal no Brasil.

 

Neste novo projeto ela apresenta exclusivamente ao Brasil o melhor das memórias emocionais da música de Portugal, em SereiA Portuguesa.

 

O show tem direção musical de Swami Jr. que também assume os violões e conta com Olivinho no acordeom. “A escolha de Swami Jr. para a direção musical foi desde o primeiro passo a escolha número um, pela qualidade musical, pela cumplicidade, pelos anos de trabalhos juntos, o Swami Jr entende o lado atual e contemporâneo que eu quero dar aos fados, o clássico junto com a ousadia, temos a cumplicidade certa para ousarmos juntos” comenta a cantora portuguesa.

 

Swami Jr é hoje um dos músicos brasileiros mais requisitados e atuantes, tanto acompanhando e dirigindo, como produzindo.

Gravou e se apresentou com grandes artistas da música brasileira e internacional como: Omara Portuondo (Cuba), Sadao Watanabe (Japão),Chico César, Vanessa da Mata, Elba Ramalho, Zélia Duncan, Elza Soares, Zeca Baleiro, Tom Zé, Jair Rodrigues, Lokua Kanza (Congo),Mayra Andrade (Cabo Verde) Dori Caymmi, Chico Pinheiro, Rita Ribeiro, José Miguel Wisnik, Ná Ozzetti, Danilo Caymmi, Virgínia Rosa, Jussara Silveira, Vânia Bastos, Luiz Tatit, Marco Pereira, Marcos Suzano, Jacques Morelembaum, Liminha, Cláudio Celso, Moska, Dominguinhos, Naná Vasconcelos, Luiz Brazil, entre outros.

 

Em Sereia Portuguesa Eugénia passeia entre canções portuguesas e fados, escondidos e escolhidos na memória musical de brasileiros e portugueses no Brasil, instalada num cenário recheado de imagens e objetos de culto de Portugal, antigos, modernos, de todas as regiões de Portugal, num misto de informações visuais e estéticas, enquanto conta as suas histórias de viagens musicais e pessoais, entre Brasil e Portugal, ao longo destes últimos 35 anos.

 

No repertório, alguns fados e canções como: Foi Deus, Nem às paredes confesso, Maldição, Perseguição, Olhos castanhos, Estranha forma de vida , Não venhas tarde, Fado Lisboa, Canoas do Tejo, O telefone, Fado da sugestão, Lisboa que amanhece, Desfado, entre muitas outras.

 

A direção cênica do projeto é assinada pelo diretor Fernando Cardoso. “Fernando é praticamente um português sonhador criativo e atento a tudo o que se passa em Portugal, e na imagem que Portugal tem no Brasil, isso me dá muita segurança, se eu exagerar ou não souber todas as respostas, que não sei mesmo, ele sabe, inventa, pesquisa, e sempre com bom humor, o que para mim, e principalmente num projeto destes, é fundamental.”, acrescenta Eugénia.

 

A cantora pretende traçar a linha que existe entre a imagem tradicional de Portugal e a experiência pessoal de ser uma artista portuguesa à solta no Brasil, de onde resultam momentos musicais e outros quase teatrais, que se completam entre si. “Queremos criar um ambiente muito português no palco, um espaço onde os clichês da cultura portuguesa como os azulejos, os galos de Barcelos, os xales, as sardinhas, o bacalhau, o vinho, as uvas, os doces e o lindo céu azul de Lisboa convivam com um outro Portugal mais sofisticado e actual. completa o diretor de cena Fernando Cardoso.

 

Este Show nasceu de uma ideia que foi lentamente se instalando dentro de mim, num misto de resposta afetiva aos sempre inúmeros pedidos do público no Brasil para eu cantar mais canções portuguesas nos meus shows. Eu não estava preparada para isso até hoje, e por isso é para mim um enorme desafio, criar e fazer esta SereiA Portuguesa. Desta vez eu vou ser bem portuguesa, e criar um ambiente musical e estético que mistura vários “Portugais” num só. Falarei de literatura, música, poesia, artes plásticas, costumes, gastronomia, moda, design, arquitetura, história, lendas,  tudo o que couber num diálogo com o público sobre o  Portugal de hoje,  e sobre o Portugal de sempre, suas referências, tradições e contradições.” finaliza Eugénia.

 

Publicado por popogirl às 23:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 30 de Setembro de 2015

Vem aí a " SereiA Portuguêsa " !!

Captura de ecrã 2015-09-29, às 23.55.21.png

 

 

Publicado por popogirl às 03:56
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 2 de Setembro de 2015

SHOWS " Cais de Outrora " com Swamy Jr - SESI São Paulo

Captura de ecrã 2015-09-2, às 19.47.03.png

 

Publicado por popogirl às 19:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 23 de Julho de 2015

Shows de lançamento no Brasil - São Paulo, 1 e 2 de Agosto de 2015

11Poster_Conversas_Sesc_FinalWeb_alta.jpg

 

 

Publicado por popogirl às 19:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 21 de Maio de 2015

SHOW CONVERSAS COM VERSOS DIA 31 DE MAIO EM LISBOA VILLAGE UNDERGROUND

11048714_927365617315611_9203594842963800556_n.jpg

FESTAS DE LISBOA 2015 !!!!

 

Publicado por popogirl às 11:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 17 de Dezembro de 2014

o Video Clip do MEU CHAPÉU / CONSULTA agora na VEVO !!! Convidado especial - Ney Matogrosso !!!

 

 

 

Publicado por popogirl às 13:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 14 de Dezembro de 2014

Release CONVERSAS COM VERSOS e contactos !!

https://madmimi.com/p/2429a5/preview

 

 

CONVERSAS COM VERSOS

NOVO ÁLBUM de EUGÉNIA MELO E CASTRO

Regresso em família de uma das mais aclamadas cantoras portuguesas das últimas décadas

ConversasComVersos Capa web

Eugénia Melo e Castro regressa, em 2014, aos álbuns de originais com uma homenagem à sua mãe, a escritora Maria Alberta Menéres.

Aproveitando a edição especial do livro "Conversas com Versos" - uma das obras clássicas pioneiras da poesia infantil portuguesa, editada originalmente em 1968 - Eugénia Melo e Castro adapta 14 poemas e apresenta 11 canções num álbum que marca o seu regresso ao universo dos mais pequenos dando continuidade e uma nova leitura à obra poética de sua mãe.

O álbum foi gravado e produzido por Eduardo Queiróz em São Paulo, em parceria com os músicos e autores Camilo Carrara e Nath Calan.

Conta ainda com as luxuosas participações de Ney Matogrosso e de Lino Krizz.

O disco acompanha o livro - agora editado pela Porto Editora - numa edição especialíssima que junta três gerações de artistas, tendo as novas ilustrações e o vídeo de animação do single “O Meu Chapéu & Consulta”, o traço de Mariana Melo, neta de Maria Alberta Menéres e filha de Eugénia.

A viagem pelos poemas de uma das escritoras que mais contribuiu para a formação literária de várias gerações de jovens ganha agora um novo adocicado na voz da filha Eugénia Melo e Castro e marca o regresso de uma das mais acarinhadas cantoras portuguesas das últimas décadas que, como a mãe, espera levar este trabalho às escolas.

Por ser tão especial o momento, pela primeira vez, a cantora assina profissionalmente como Géninha Melo e Castro, nome pelo qual é chamada desde criança.

video

Clique para ver e ouvir O meu chapéu & Consulta com Ney Matogrosso

***
***

CONVERSAS COM VERSOS - 2014

ConversasComVersos CD web
1. As Pedras
2. Pulos
3. O Meu Chapéu & Consulta com Ney Matogrosso (SINGLE)
4. Direcção
5. Os Nomes com Lino Krizz
6. A Hora do Chá
7. O Nariz com Lino Krizz
8. A Árvore
9. Cantilena & Umas Contas
10. Ver & Viagem Espacial
11. Nascimento
***

EUGÉNIA MELO E CASTRO na WEB

FACEBOOK | SITE OFICIAL | YOUTUBE


CONVERSAS COM VERSOS na WEB

FACEBOOK | SITE OFICIAL

***

Os feedbacks são mais que bem-vindos!

Não hesitem em fazê-lo para:
Cláudia Duarte

tlm: + 351 963 884 269
email: claudiasaduarte@gmail.com
skype: claudiasaduarte

Publicado por popogirl às 23:08
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 21 de Novembro de 2014

Diário Digital hoje Entrevista 21 Nov 2014

Avó, mãe e filha unidas pelos poemas, músicas e ilustrações

 
  • Share

«Conversas com versos», editado pela Porto Editora, é uma obra clássica e pioneira de poesia infantil nacional. O livro, da autoria de Maria Alberta Menéres, é agora reeditado num álbum musical que recria os poemas do livro, canções compostas pela filha da autora, Eugénia Melo e Castro. Mas há mais, já que «Conversas com versos» é ilustrado por Mariana Melo, neta de Maria Alberta Menéres e filha de Eugénia Melo e Castro...

Incluído no Plano Nacional de Leitura e recomendado para o 1º ano de escolaridade, «Conversas com versos» será apresentado em Lisboa no domingo, dia 23 de novembro, às 16:00, na Sala 1 da Fundação Calouste Gulbenkian. A apresentação contará com uma atuação de Eugénia Melo e Castro, que celebra em 2015 os seus 35 anos de carreira na música. Falamos com uma filha e mãe orgulhosa do seu passado e do seu futuro.

Qual a importância de «Conversas com Versos» na sua casa?
Era um livro vivido diariamente, desde que foi escrito,  entrou nas nossas vidas e ficou para sempre , como uma memória de tempos muito bons e muito criativos. Acredito que até hoje muitas e muitas crianças, agora adultos, e outras novas crianças, sentiram e sentirão o mesmo.

O que recorda do livro na sua infância? Qual foi o seu relacionamento com ele?
Eu lembro-me bem da minha mãe a escrever esse livro, muito entusiasmada, eu tinha uns 9 anos, e ela escrevia e mostrava. Foi uma maneira de nos contar histórias, que ela não tinha muita paciência. E assim descobriu a poesia infantil dentro dela.

O que sentiu a filha quando leu o livro escrito pela sua mãe? Nós sabíamos o livro de cor, tudo o que sei de cor é dessa altura. Era imaginativo, criativo e deixava-nos uma sensação de estar a viver aquelas ideias dela, que se traduziam em poesia. Era muito bom e muito alegre.

Como surgiu a ideia deste projeto?
A primeira edição deste livro foi em 1968, e foi pioneiro em Portugal na poesia infantil. Por isso resolvemos relançar o livro, pois a sua poesia é completamente actual, viva, pode-se dizer mesmo muito avançada para a época em que foi escrita. Tem preocupações ambientais, bichinhos, plantas, tudo em perfeita harmonia. A minha mãe faz 85 anos em 2015, e por isso achamos que seria um bom começo das homenagens..... a Porto Editora também aprovou a ideia e estamos juntos a fazer o que Maria Alberta Menéres merece, a ser celebrada e com edições renovadas. Esta é a primeira!

Como é musicar os poemas da mãe e a ver as ilustrações da filha?
É genial! fizemos a três: a minha mãe deu as suas ideias, eu dei as minhas, foi realmente feito a seis mãos. Claro que me senti super responsável pelo produto final, introduzimos as partituras das músicas. Assim, quem quiser ensinar música ou tocar poder usar as nossas músicas. É emocionante ver o trabalho realizado e tão bonito, a base poética é maravilhosa e as ilustrações estão muito emotivas, pois a Mariana é neta única e tem uma relação com a avó que é só delas.....

De certo modo «Conversas com Versos» marcou a literatura infantil nacional. Sentiu alguma pressão por musicar a obra da sua mãe?
Foi complicado transformar os poemas da sua mãe em música? Foi uma enorme responsabilidade, mas tentei fazer tal e qual ela escreveu, com o coração e com a simplicidade que ela coloca sempre em tudo o que faz, um tipo de simplicidade que transforma tudo em especial e diferente, mas sempre acessível.

Esta edição oferece ao leitor algo mais do que as anteriores edições, o CD. Até que ponto esta mais valia é benéfica para o livro em si?
É uma atração a mais, o Cd poderia sair sozinho. Foi gravado de uma forma totalmente independente, profissional, conta com participações especiais de Ney Matogrosso e Lino Krizz, e foi produziodo e gravado com músicos e primeira água, o produtor e músico Eduardo Queiróz, que me acompanha desde o CD Paz, de 2003. Juntos gravámos o Desconstrução em 2006, com o Chico Buarque, o Poportugal, em 2009, e chamamos o virtusos Camilo Carrara, um dos maiores guitarristas e compositores do Brasil e a Nath Calan, que toca Vibrafone, canta e faz percussões, com formação clássica, este disco é todo autentico e super bem gravado. Mas eu preferi fazer esta edição com o Livro + Cd para juntar as linguagens. Temos também os video clips: o primeiro já esta pronto, da canção que o Ney Matogrosso canta, O MEU CHAPÉU / CONSULTA. E esta foi a minha ideia, fazer uma celebração poética, musical e visual. Os poemas são muito musicais, por isso acho que o cd completa o livro!

Qual era a relação da sua filha com o livro?
De muito carinho, ela sempre viu a avó a escrever livros infantis e juvenis e sempre sonhou em poder um dia fazer as ilustrações, pois acompanhava o seu processo criativo ao vivo, que sempre foi uma inspiração para ela.

Como analisa as ilustrações da sua filha?
Acho que são muito criativas e bem pensadas. Ilustrar um livro não é fazer uns bonecos, tem de se entender o texto, e exaltar o que de mais importante o texto quer dizer. Acho muito sensíveis e tecnicamente perfeitas.

Teve alguma opinião final sobre os desenhos ou só viu o resultado final?
Fui vendo, mas meio de longe. A Mariana gosta de trabalhar sozinha no começo, para não se deixar influenciar, mas mãe é mãe e eu tive de respeitar as opções  dela, e não me arrependo. Eu também sou assim, não quero ninguém ao meu lado a dar palpites antes de ter as minhas ideias formadas. Depois deixo, e devo deixar, que me digam depois alguma coisa, me acrescentem, mas o começo é sempre solitário. O processo dela é igual.

O que espera do lançamento no domingo? Haverá novidades? Poderia falar sobre o evento?
Será o lançamento oficial do Livro+CD «Conversas com Versos». Eu vou cantar umas 4 ou 5 musicas de viola e voz, acompanhada por Gabriel Godoi, e será apresentado em estreia o video clip de O MEU CHAPÉU / CONSULTA. É uma honra imensa termos o apoio da Fundação Gulbenkian neste projecto, e isso deve-se ao facto da minha mãe ter ganho em 1986  o Grande Prémio Calouste Gulbenkian de Literatura para Crianças “pelo conjunto da sua obra literária e pela manutenção de um alto nível de qualidade”.

Leia outras relacionadas:

Publicado por popogirl às 13:16
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

LANÇAMENTO OFICIAL NA GULBENKIAN DIA 23 NOV ÀS 16 HORAS

CONVITE OFICIAL BOM.png

 

 

 

Publicado por popogirl às 13:08
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 13 de Novembro de 2014

As três meninas do CONVERSAS COM VERSOS

Captura de ecrã 2014-11-13, às 22.29.52.png

www.conversascomversos.com

 

Publicado por popogirl às 22:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 10 de Novembro de 2014

11 DE NOVEMBRO NAS LIVRARIAS DE PORTUGAL !!

Captura de ecrã 2014-11-10, às 00.54.18.png

 

Publicado por popogirl às 00:56
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

BLOG DE MARIA ALBERTA MENÉRES !!

http://mariaalbertameneres.blogs.sapo.pt/

Publicado por popogirl às 23:20
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 18 de Setembro de 2014

Novembro 2014 !! Lançamento em Portugal do Livro +Cd CONVERSAS COM VERSOS pela PORTO EDITORA !!

Publicado por popogirl às 11:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 30 de Julho de 2014

link entrevista ao blog MADE IN PORTUGAL !!!

http://musicamadeinportugal.blogspot.pt/2014/07/entrevista-eugenia-melo-e-castro-tinha.html#.U9kYjagRbGt

 

Entrevista | Eugénia Melo e Castro

"Tinha e tenho a mesma meta desde que comecei, e não me desviei um milímetro, foquei e atirei-me de cabeça"

quarta-feira, Julho 30, 2014 Made in Portugal

Eugénia Melo e Castro, uma das cantoras portuguesas mais amadas pelos músicos e pelo público brasileiro, esteve à conversa com o Made in Portugal, onde nos falou do seu percurso, dos projectos para o futuro, e muito mais.

«a música sempre foi a primeira escolha, junto com a poesia»

Made in Portugal: Como é que uma estudante de cinema e fotografia, apaixonada pelo teatro passa a uma cantora de sucesso em terras lusas?
Eugénia Melo e Castro: Desde sempre que me ouvi dizer que queria ser cantora. Mas a arte é diversa e difusa, tudo pode experimentar, principalmente num começo de vida. Tentei ser realizadora de cinema, fotografa (fotografei profissionalmente o escritor Gabriel Garcia Marques, meu único grande trabalho, quando estudava na A.R.C.O.) e fui convidada para fazer filmes como actriz. Fundei um grupo de Teatro de Poesia Experimental, que se chamava 'Anima', fiz parte da 'Barraca'. Circulava nos meios artísticos absolutamente curiosa e com uma imensa vontade de fazer parte, sabia que era a arte a minha escolha, e a música sempre foi a primeira escolha, junto com a poesia.

MIP: “Terra de Mel” foi o seu primeiro disco, que resultou na colaboração de Wagner Tiso para a produção musical do disco. Hoje quando recorda essa viagem ao Brasil para convidar um dos mais conceituados produtores brasileiros, o que pensa? Foi inocência ou convicção que a levou a bater à porta e Wagner Tiso?
E. M. C.: Nenhuma inocência, eu tinha a certeza que iria conseguir, convicção total. Eu tinha e tenho a mesma meta desde que comecei, e não me desviei um milímetro, foquei e atirei-me de cabeça.

MIP: De onde surgiu o amor pela música brasileira?
E. M. C.: Pela compreensão sonora musical, poética e linguística. O movimento que a música brasileira estava a  realizar era o que eu desejava para mim, os sons, as ideias, as palavras, as pessoas.


«os duetos que fiz foram de coração e de cumplicidades musicais»


MIP: Já colaborou com Ney Matogrosso, Tom Jobim, Chico Buarque, Simone, Caetano Veloso, Milton Nascimento, entre muitos outros. Com quem lhe falta fazer um dueto?
E. M. C.: Se a minha vida fosse um concurso faltar-me-íam muitosss! Mas os duetos que fiz foram de coração e de cumplicidades musicais, e isso só acontece com quem se está perto e se vai conhecendo. No meu caso é assim que os duetos aconteceram, todos.

MIP: Foi condecorada com o Grau de Dama da Ordem de Infante Dom Henrique, no Brasil. O que significou para si essa condecoração?
E. M. C.: Eu fui condecorada pelo governo Português, mas foi-me entregue no Brasil por questões de protocolo. Foi bom, é sempre bom receber a atenção das pessoas, o carinho. Eu gosto de ganhar prémios, de ser reconhecida, faz parte da vida do artista ser reconhecido, ou não. Recebi das mãos do Embaixador Francisco Rebelo de Andrade, e aproveitamos a festa e fizemos o lançamento de 3 livros infantis da minha mãe no Brasil (Maria Alberta Menéres ). Foi muito bom.

MIP: “Gosto de Sol” e “30 Anos Canta Canta Mais” foram editados recentemente pela editora portuguesa Farol Música. Sendo que grande parte das suas obras tem tido o apoio de editoras brasileiras, é importante este apoio de uma editora Portuguesa?
E. M. C.: Todos os meus discos foram lançados em Portugal e no Brasil, fisicamente, ao longo destes 30 anos. Excepto esta compilação de 30 anos, que só foi lançada em Portugal, e o “Um Gosto de Sol”, que só foi lançado no Brasil, e em Portugal esta lançado digitalmente pela Farol, para todo o Mundo.

MIP: O que podemos encontrar em cada um dos discos?
E. M. C.: Nos '30 anos', são 2 cds, o primeiro é só duetos, que eu fiz nesses 30 anos, e o segundo disco são algumas músicas já conhecidas e  mais sete músicas inéditas.

O outro cd é o meu mais novo cd, "Um Gosto de Sol", foi gravado em Belo Horizonte, em Minas Gerais, tem muitos convidados mineiros, cúmplices, desde o meu primeiro passo na música no Brasil, Milton Nascimento, Toninho Horta, Túlio Mourão, Chico Amaral, Wagner Tiso, entre outros, e tem na produção Robertinho Brant, que foi um mestre genial na condução da produção musical, e me ensinou a cantar de uma outra maneira, bem mais cool e diferente. É um disco divisor de águas, é uma outra espécie de leitura e homenagem a Minas Gerais, que eu considero o estado brasileiro mais parecido com Portugal.

 

«Tudo e nada pode servir de inspiração»


MIP: Em que se inspira para escrever/compor tão belas canções?
E. M. C.: Na vida, na solidão, tão amada pelos artistas, nas distâncias, nos acontecimentos às vezes nada importantes nem especiais, mas que por um milésimo de segundo o foram. Tudo e nada pode servir de inspiração. Temos de estar atentos ou desatentos a tudo. Um livro, um filme, uma outra música...

MIP: Para o futuro, há novidades? Novos temas?
E. M. C.: Novo cd, desta vez infantil, baseado no livro "Conversas Com Versos" da minha mãe, do ano 69. Está pronto, e deve sair em breve, até ao Natal está cá fora.

MIP: No dia 30 de Julho fará uma participação especial no concerto de Susana Travassos no B. Leza. Mas concertos a solo em portugal, algo previsto?
E. M. C.: Eu adoro a Susana, revejo nela muitos sinais de coragem e de qualidade que me interessam muito. Vai ser um show dela, eu só vou aparecer 3 minutos.

MIP: Muitos dizem que o sucesso que tem vindo a ter no Brasil contribuiu muito para a aproximação entre os dois países, no que toca à música. Concorda que é uma das principais responsáveis por tal?
E. M. C.: Eu fui a primeira da minha geração. Desde os anos 40 que muitos artistas portugueses por lá andaram a fazer grandes trabalhos.

MIP: Há músicos que afirmam que o povo português só dá o devido valor à nossa música, quando primeiramente é lhe dado destaque no estrangeiro. Concorda? Porque acha que isso acontece?
E. M. C.: Isso acontece talvez por causa do tamanho do nosso mercado, que é minúsculo, mas no Brasil por exemplo também é super importante para os artistas viajarem e serem reconhecidos no estrangeiro. E lá o mercado interno deles é imenso. Acho que para todos os artistas serem reconhecidos fora dos seus países é uma parte importe das suas carreiras, é uma meta comum.

MIP: Existe alguma mágoa por ter mais reconhecimento no Brasil do que cá em portugal?
E. M. C.: Acho que falta de comunicação e a minha preguiça, são bastante culpados disso. Estou apenas menos visível nas televisões em Portugal, o que seria importante, fazer uma rodada de programas e de promoção e espectáculos por aqui, isso sim.

«não acredito muito em vendas de discos, acredito mais em shows, em tournée, em clips no youtube. Tudo está esquisito!»


MIP: Reparei que no seu blog tem quase toda a sua discografia disponível para download gratuito. O que a levou a disponibilizar os seus temas para download gratuito?
E. M. C.: Eu não sou dona desse link que disponibiliza alguns cd’s meus online gratuitamente, mas gostei da ideia de alguns discos que não estão no iTunes estarem lá, tipo o "Coração Imprevisto", por exemplo, e coisas do tempo la atrás. Eu só não posso concordar quando tenho contratos assinados online com editoras discográficas, estou a tentar que esses saim da lista.
Eu sou dona de 80% do meu catálogo e não acredito muito em vendas de discos, acredito mais em shows, em tournée, em clips no youtube. Tudo está esquisito! Por outro lado temos de proteger os autores, isso é uma faca de dois gumes.

MIP: De um modo geral qual a sua opinião sobre a música actualmente feita em Portugal e a (intitulada) nova geração de músicos portugueses?
E. M. C.: Acho que tem muita gente nova muito boa a cantar e a compor, a acreditar na música. Isso é muito bom. Gente tipo a Susana Travassos. Mas por exemplo, esses concursos de talentos acho gastos e antigos, e sem perspectivas reais. Mas cada caso é um caso, e o talento está onde menos se espera, e isso sim, é o que importa. O resto é focar e acreditar. E trabalhar muito!

Publicado por popogirl às 17:11
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 19 de Junho de 2014

Links para ver os videos em duetos com Chico Buarque !!! e tambéns os links para quase todos os meus videos no Youtube

https://www.facebook.com/EugeniaMeloCastroOficial?ref=hl

 

http://www.youtube.com/user/eugeniamec

 

https://www.youtube.com/channel/UCl-vstLRJr5d_ydM27Egj3Q

Publicado por popogirl às 18:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

a minha Banda........

Hoje Chico Buarque faz 70 anos. Foi com ele que levei o meu primeiro choque musical e poético, em língua portuguesa. Afinal era possível cantar em português e ser lindo. E moderno. E compreensível. E novo. Estávamos em 1966 e eu tinha 8 anos. Eu estava na Covilhã, na Serra da Estrela, em Portugal, no jardim da minha casa, e pensava,( tinha a certeza absoluta) que a Banda iria um dia passar e tocar para mim. E eu esperava, pendurada no alto de uma enorme Nespereira. Um dia desci da árvore, e a vida foi-me conduzindo na direcção inversa. Resolvi ir procurar a Banda. E achei. Era imensa, cheia de outras Bandas, de outros sons, de outras ideias e de outras palavras. Acrescentei as minhas palavras e os meus sons, numa ousadia que só os ingênuos e os loucos conhecem. Até hoje eu me guio por essa sensação, quando penso no que sempre me motivou e me motiva, e me segura, nos momentos em que a Banda ainda ecoa lá no fundo do fundo, e onde vagamente teimo em encontrar dentro de mim os tais vestígios de uma outra e estranha civilização. Não se afobe não, que nada é para já !!
Obrigada Chico !!

Hoje vou colocar aqui os 4 duetos que gravei com Chico ao longo destes anos.

E também + 1 clip com Adriana Calcanhotto, e 1 clip com Wagner Tiso, ao todo 6 musicas de Chico Buarque.

CONTRASTES - Música portuguesa do grande compositor português Luís de Freitas Branco, letra de João de Vasconcellos e Sá. Música lírica, composta em 1930, nunca antes navegada em águas da canção popular, dueto com Chico, acompanhados ao piano por Wagner Tiso, gravado em 1990.

BOM CONSELHO - Letra e música de Chico Buarque, dueto com Chico gravado em 2004 para o meu disco DESCONSTRUÇÃO

INJURIADO - Letra e música de Chico Buarque, dueto com Chico gravado em 2004 para o meu disco DESCONSTRUÇÃO

OLÊ OLÁ - CLIP do Dueto apenas disponível na internet, tb gravado com Chico  em 2004, quando da gravação do disco DESCONSTRUÇÃO

BEM QUERER / FUTUROS AMANTES Com Adriana Calcanhotto - Letra e música de Chico Buarque, dueto gravado com Adriana em 2004 para o meu disco DESCONSTRUÇÃO

TODO O SENTIMENTO - de Chico Buarque e Cristovão Bastos - piano com Wagner Tiso

1Gosto

Publicado por popogirl às 17:41
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Parabéns Chico Buarque !!!!!!

 

 

Publicado por popogirl às 17:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 15 de Junho de 2014

Sobre DESCONSTRUÇÃO - Eugénia Canta CHICO BUARQUE - 10 anos atrás !!.....

http://www2.uol.com.br/eugeniameloecastro/old/descontrucao.html

Publicado por popogirl às 16:38
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 16 de Março de 2014

Programa ENSAIO - TV CULTURA São Paulo / com Swami Jr.

Publicado por popogirl às 15:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 1 de Fevereiro de 2014

SHOW- CAIS DE OUTRORA - CASA DE FRANCISCA - SÃO PAULO- 7 DE FEVEREIRO

Publicado por popogirl às 01:25
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2014

lançamento de 3 livros infantis de Maria Alberta Menéres no Brasil

Publicado por popogirl às 12:38
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 28 de Novembro de 2013

CLIP PILOTO CD - CONVERSAS COM VERSOS - GENINHA MELO E CASTRO convidado especial NEY MATOGROSSO

Publicado por popogirl às 14:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 30 de Setembro de 2013

Revista SÁBADO.pt

AQUI !!!!

 

Publicado por popogirl às 20:14
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 24 de Setembro de 2013

Obrigada !!!!

Crítica brasileira elegeu cantora portuguesa entre melhores interpretes de Vinicius

 

Eugénia Melo e Castro, uma das cantoras portuguesas mais amadas pelos músicos e pelo público brasileiro acaba de ganhar mais um grande  reconhecimento da crítica brasileira. Quando comemora seus trinta anos de carreira artística, recebe a  menção honrosa da principal revista cultural do Brasil, a Bravo, que em edição especial publica as 100 melhores canções brasileiras de todos os tempos e seus melhores interpretes. Geninha, como é carinhosamente chamada pelos amigos, foi considerada a segunda melhor interprete da famosa canção de Vinicius de Morais “Eu sei que vou te amar”, perdendo o primeiro lugar para o não menos famoso João Gilberto e ficando a frente de uma das musas da bossa nova, Maysa.

 

Para Eugénia este é um dos maiores reconhecimentos que recebeu,  justamente no ano das comemorações do  centenário de Vinícius. A sua leitura concorreu com a versão dos principais nomes da musica popular brasileira como Elis Regina, Roberto Carlos, Gal Costa,  Caetano Veloso, Adriana Calcanhoto, Ivete Sangalo e outros. http://www.youtube.com/watch?v=p1itszpEX60

 

 

A cantora portuguesa agora está a preparar um novo CD com musicas para crianças “Conversas com versos”, musicando os poemas da sua mãe, a escritora e poetisa Maria Alberta Menéres. Para já a cantora adianta que conta com a participação de Ney Matogrosso no tema “Meu Chapéu”. O lançamento está previsto para Outubro.

 

--------------------------------------------------------------------------------------------
Nº 70 - “Eu Sei que Vou te Amar”

Composers' recording:
- Antônio Carlos Jobim: Tom Canta Vinicius: Ao Vivo;
- Vinicius de Moraes: La Fusa (Maria Creuza, Vinícius de Moraes & Toquinho).

Other definitive versions:
- João Gilberto: João Gilberto ao Vivo: Eu Sei que Vou Te Amar;
- Eugénia Melo e Castro: Eugénia Melo e Castro Canta Vinícius de Moraes;
- Maysa: Tom Jobim por Maysa

 

Publicado por popogirl às 17:33
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Ouça aqui

EMAIL/ CONTACTOS/ SITE OFICIAL

eugeniamc@sapo.pt http://www.eugeniameloecastro.com

Bem Querer / Futuros Amantes


Veja mais vídeos aqui!

AVISO AOS NAVEGANTES :

ESTE BLOG É (TAMBÉM) UMA BASE DE DADOS ACTUALIZADOS SOBRE EUGÉNIA MELO E CASTRO. DESTINA-SE AO REGISTO DE ENTREVISTAS, MATERIAIS DE IMPRENSA, MÉDIAS, MP3, VIDEOS, MATERIAL DE PESQUISA, BIOGRAFIA, HISTÓRIAS, OPINIÕES, CRÓNICAS, FOTOS, DATAS, AUTORES, MÚSICOS ENVOLVIDOS, ASSUNTOS RELACIONADOS, DEPOIMENTOS, LINKS RELACIONADOS, AGENDA DE SHOWS, ACTUALIZAÇÃO DE ACTIVIDADES, LANÇAMENTOS E RELANÇAMENTOS DE CDs, DVDs, PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS, GRAVADORAS, DIREITOS AUTORAIS, LETRAS, CONVIDADOS ESPECIAIS, ONDE, COMO E QUANDO.

Arquivos

subscrever feeds

blogs SAPO